🥳  No mês de Aniversário da Caroli.org, você estuda com 30% off usando o cupom: 7ANOSCAROLI. Escolha o seu treinamento!

Precisa de ajuda para escolher o seu
treinamento ou tem alguma dúvida?

eXtreme Programming (XP)

A metodologia ágil de desenvolvimento chamada Extreme Programming (XP) foi criada por Kent Beck nos anos 1990 e cobre diversos aspectos técnicos do desenvolvimento de software, tais como codificação, design e testes. (GOMES, 2013).

XP

FRANCO (2007) complementa esta visão, afirmando que o XP surgiu como uma tentativa de solução para os problemas causados pelos longos e morosos ciclos de desenvolvimento dos modelos de desenvolvimento tradicionais e que por este motivo consolidou-se no mercado.

O XP é considerado uma proposta de desenvolvimento de software simples, que visa entregar o que o cliente solicitou, no prazo acordado com ele. Ele define uma equipe única de trabalho, e considera que os gerentes, clientes e desenvolvedores devem também formar uma equipe, dedicada e destinada a entregar software com mais qualidade (AUDY e PRIKLANDNICKI, 2007).

Segundo HIGHSMITH (2002), o XP foca em interações de cliente e desenvolvedor que devem ocorrer em um ambiente apropriado para este fim: times dividindo o mesmo espaço físico, compostos por dez ou menos desenvolvedores e com um cliente no local, dedicado integralmente ao projeto. Como em outras metodologias ágeis, o desenvolvimento com XP ocorre com base em iterações curtas (de três semanas ou menos).

 

Referências:

  • GOMES, Andre F. Desenvolvimento de *software* com entregas freqüentes e foco no valor de negócio. São Paulo: Casa do Código, 2013.
  • FRANCO, E. F. Um modelo de gerenciamento de projetos baseado nas metodologias ágeis de desenvolvimento de software e nos princípios da produção enxuta. Dissertação de Mestrado, São Paulo: Escola Politécnica da Universidade de São Paulo, 2007.
  • AUDY, Jorge L. N., e Rafael PRIKLANDNICKI. Desenvolvimento Distribuído de *Software*. Rio de Janeiro: Elsevier, 2007.
  • HIGHSMITH, J. *Agile Project Management: creating innovative products*. Boston: Addisson – Wesley, 2004.

 

Confira também o livro de XP dos amigos Daniel Wildt, Dionatan Moura, Guilherme Lacerda e Rafael Helm.

 

[content_block id=3742 slug=ebook-enxugando-maquina]

Paulo Caroli

Paulo Caroli é um consultor, autor e palestrante altamente respeitado, conhecido por criar a metodologia Lean Inception. Como autor de cinco livros influentes sobre agilidade nos negócios, incluindo o best-seller Lean Inception, ele traz uma vasta experiência prática para seu papel como Inception & OKR advisor na Thoughtworks - Expert in Product and Project Inception, Advisor on Team OKR. Paulo está profundamente envolvido em workshops estratégicos, desenvolvimento de produtos digitais e na orientação de equipes sobre agilidade nos negócios e estratégia de produto.
Qual é o alicerce da Gestão Ágil de Projetos?

Qual é o alicerce da Gestão Ágil de Projetos?

Quando falamos “Gestão Ágil de Projetos” pensamos várias coisas como agilidade, projetos, ritos, ferramentas… Mas a verdade é que a base, o que é essencial, não pensamos. Talvez porque não temos esse conhecimento, ou porque não tivemos experiências para aprender. E é isso que a autora Annelise Gripp traz para você neste excelente artigo.

ler mais
Transformando a Experiência do Colaborador com Lean Inception

Transformando a Experiência do Colaborador com Lean Inception

Neste artigo, o autor JP Coutinho aborda a Lean Inception como uma ferramenta valiosa para melhorar a experiência do colaborador desde o início de projetos ou iniciativas. Ele compartilha sua experiência com a metodologia na criação de produtos de Gestão de Pessoas, incluindo ações de desenvolvimento e programas de incentivo, e destaca os benefícios principais para organizações e times com essa abordagem.

ler mais

Pin It on Pinterest