🥳  No mês de Aniversário da Caroli.org, você estuda com 30% off usando o cupom: 7ANOSCAROLI. Escolha o seu treinamento!

Precisa de ajuda para escolher o seu
treinamento ou tem alguma dúvida?

MVP, equipe de produto e o tempo

Por Paulo Caroli

Não é quanto tempo você tem, mas o que você decide fazer com o tempo que tem.

O tempo é o mesmo. Para todas pessoas, para todas empreendedoras, para todas empresas.

Todos têm exatamente o mesmo tempo. E muitos estão disputando pelo mesmo mercado, pela atenção dos (mesmos) clientes e usuários.

O tempo disponível para emplacar um produto de sucesso é curto. Se você não o fizer, alguém vai fazer.

O maior erro é exagerar e se apressar para elaborar e criar todo o produto. Por exemplo, contratar mais gente, planejar todo o produto, trabalhar 14 horas por dia (incluindo fim de semana e feriados).

Desta forma, esta organização tem mais tempo que as outras empresas. E esse é o erro!

Não. Não trabalhe 14 horas por dia, nem em fim de semana ou feriados. Não forme equipes enormes, com mais gestão e sobrecarga para manter todos “na mesma página”.

Assim como as outras empresas e equipes empreendendo na mesma área, cada pessoa da sua equipe também deve trabalhar oito horas por dia. A grande diferença está em como a equipe se organiza e como ela direciona o trabalho (pensa grande, começa pequeno, aprenda rápido!).

Se trabalha com produtos digitais, forme equipes de produto empoderadas. Segue a definição do Marty Cagan para equipes de produto empoderadas:

Equipes de produto empoderadas são equipes multifuncionais (produto, design e engenharia); elas são focadas e medidas por resultados (não somente por entregas); e elas têm o poder de descobrir a melhor maneira de resolver os problemas que foram solicitadas a resolver.

Não é quanto tempo a equipe tem, mas o que a equipe decide fazer com o tempo que tem.

Ao invés de buscar a solução definitiva para todo o produto, é muito mais efetivo pensar primeiro no que é mais importante, e como vamos validar (o que fazer primeiro e como verificar se estamos indo em um bom caminho). Você precisa alinhar as pessoas envolvidas sobre o plano para este mínimo viável, sobre o mínimo para validar o direcionamento do negócio.

Você precisa fazer isso de forma muito efetiva (consumindo pouco tempo). Logo, assim que tiver este plano para o mínimo viável, você precisa aproveitar ao máximo o tempo, criar o MVP e colocar logo nas mãos dos usuários.

Não perca mais tempo! Faça logo uma Lean Inception, alinhe sobre a visão do produto e o MVP, construa-o e valide-o. O mais rápido possível!
 

Gostou deste conteúdo?

Paulo Caroli

Paulo Caroli é um consultor, autor e palestrante altamente respeitado, conhecido por criar a metodologia Lean Inception. Como autor de cinco livros influentes sobre agilidade nos negócios, incluindo o best-seller Lean Inception, ele traz uma vasta experiência prática para seu papel como Inception & OKR advisor na Thoughtworks - Expert in Product and Project Inception, Advisor on Team OKR. Paulo está profundamente envolvido em workshops estratégicos, desenvolvimento de produtos digitais e na orientação de equipes sobre agilidade nos negócios e estratégia de produto.
Tipos de MVP

Tipos de MVP

Entender e escolher entre os tipos de MVP pode acelerar o ciclo de aprendizado e levar ao aperfeiçoamento do produto de maneira eficaz. O MVP não é apenas um lançamento preliminar, mas uma estratégia de teste e aprendizado, essencial para qualquer projeto que busque sucesso e inovação contínuos.

ler mais
Tens uma ideia de produto?

Tens uma ideia de produto?

O artigo ressalta a limitação de planejar e desenvolver um produto completo como método para testar um modelo de negócios ou ideia. Em vez disso, destaca a importância de validar hipóteses através do conceito de MVP (Minimum Viable Product). Ao compartilhar a experiência dos empreendedores cariocas com o Easy Taxi, enfatiza a crucial aprendizagem com usuários reais. O autor também menciona seu projeto, iChooseThisOne.com, como um valioso exemplo de MVP, mesmo sem alcançar o sucesso. O texto sublinha que o sucesso frequentemente exige ajustes e correções de curso, ressaltando a necessidade de um aprendizado contínuo.

ler mais

Pin It on Pinterest